Início » Carros » Spark 2017: substituto do Celta chega ao Brasil

Spark 2017: substituto do Celta chega ao Brasil

Há alguns anos, o substituto do Celta no Brasil movimenta as opiniões e esperanças da mídia especializada no Brasil, e a Chevrolet confirmou que o sucessor do modelo será lançado como Spark 2017.

Até então, o substituto do modelo era chamado de Projeto Âmbar, o que dava uma grande margem para especulações a respeito do carro de entrada da GM Brasil.

Com a confirmação, as dúvidas estiveram em torno das especificações e das tecnologias que acompanharão o veículo, especialmente considerando a inovação proposta por seus principais concorrentes da VW e da Fiat.

Aos moldes europeus

novo-spark-2017

Com o anúncio do Spark 2017 chegando ao Brasil no último trimestre de 2016, algumas dúvidas giraram em torno da sua versão no país. Cogitava-se a aplicação do Spark europeu ou de uma versão mais parecida com aquele que já é vendido no mercado asiático.

Alguns especialistas indicavam a probabilidade elevada de a versão indiana chegar ao Brasil, o que parecia um erro estratégico ao considerar a concorrência acirrada e os motivos que levaram ao esmaecimento das vendas do Celta no mercado atual.

As notícias recentes, no entanto, indicam que a versão apresentada em Nova Iorque recentemente é a que deve chegar ao Brasil, acompanhando as tendências globais e dando um caráter atualizado para a frota da Chevrolet no Brasil desde sua entrada.

Aposentando o Celta

novo-spark-2017-dois

Não é nenhum segredo que a Chevrolet procura aposentar o Celta, desde que suas vendas caíram em função de ter se tornado um carro ultrapassado, com visual e tecnologia já sem fôlego para competir com a concorrência.

Enquanto o Celta tornou-se um carro que recebia pouca atenção da montadora, o mercado de subcompactos mudou radicalmente, oferecendo propostas urbanos atualizadas ao invés do básico funcional e sem personalidade, exigindo que o pequeno da GM fosse substituído por uma nova proposta – e é isso que promete o Spark 2017.

Motor 1.4 Ecotec

A GM já confirma o motor 1.4 Ecotec de 99 cavalos para o Spark 2017. Ainda não se sabe a quantidade de cilindros que acompanhará o motor, que é uma novidade da Chevrolet, mas estima-se que, com o auxílio do câmbio CVT da montadora, ele seja capaz de apresentar uma eficiência de consumo de quarenta milhas por galão – o que representa, em unidades não imperiais, cerca de 17 quilômetros por litros.

Se confirmado o desempenho acima da média com o combustível, é provável que o veículo tenha a melhor relação de consumo de toda a categoria, fortalecendo sua proposta como um veículo acessível com tecnologia de ponta.

novo-spark-2017-interior

Entrada no mercado brasileiro

Por não possuir valores definidos, é difícil precisar exatamente onde o Spark 2017 deve encaixar-se no mercado brasileiro.  Naturalmente, como substituto do Celta, ele deveria concorrer com os novos Up! da VW e o Mobi da Fiat, assim como o subcompacto prometido pela Renault.

Se ele for precisamente o mesmo veículo apresentado em Nova Iorque recentemente, no entanto, pode-se acreditar que ele busque competir um pouco acima deste nível, com carros como o Novo Uno ou, até mesmo, o HB20.

Ainda sem valores definidos

Embora já tenha sua data de estreia marcada para o último trimestre de 2016, o Spark 2017 ainda não possui preço de mercado definido. Os responsáveis pelo Projeto Âmbar declararam, ao longo de seu desenvolvimento, a intenção de lançar um carro abaixo dos trinta mil reais.

É improvável, no entanto, que o modelo chegue ao Brasil abaixo deste patamar, considerando o valor de seus principais concorrentes e as funcionalidades apresentadas para o carro no Salão de Nova Iorque.

O próprio Celta, ainda vendido pela Chevrolet, apresenta um preço superior aos trinta mil reais em sua versão única, vendida completa – o que torna muito improvável que o veículo Spark 2017 entre no mercado com valor inferior.

9 Comentários

Clique aqui e deixe seu comentário

  • confesso q fiquei muito interessado,se continuar seguindo a economia e a manutençao assesivel do celta, com certeza vai fazer o maior sucesso!!!!!estamos aguardando

  • Não entendo essas montadoras,sempre mudando os modelos que agradam, e trazendo outros modelos mais caros,dificultando a aquisição por parte do consumidos menos favorecido.Ao invés de substituir por que não conservar o modelo fazendo mudanças no próprio Celta. por exemplo.

  • Quero muito fazer teste drive o mais breve.
    Se for o carro que tenho acompanhado matérias, comprarei.

    Att,

    Kleber Erick

  • Pois é, e quando vai chegar? Quero trocar o meu celta e não encontro , carro acessível como ele. Também não entendo porque estas vivem lançando novos modelos ao invés de melhorar o que já tem .

  • Tem umas opções de cores bem interessante… fiquei curiosa! 2018 quero substituir o meu celtinha por um spark, desde que não seja tão baixo quanto o celta.

    • Quero trocar meu celta ,queria outro celta mas saiu de linha , então que chegue logo o substituto do celta, gosto muito dos carros da Chevrolet!!!!!!!!!

Carros 2018: Confira os principais lançamentos

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas