Início » Todos os posts » Carros » Utilitários: Características e mercado

Utilitários: Características e mercado

Os utilitários são veículos mistos: servem para carga de objetos e de pessoas de maneira simultânea, sem a necessidade de compartimentos exteriores ao veículo (como é o caso de caminhões). Uma de suas características mais relevante é a altura da carroceria, bem superior a veículos de passeio comuns, auxiliando a visão e o controle do condutor do carro.

No caso do mercado brasileiro, utilitários são os carros com a capacidade de carga mista dentro do mesmo bloco do veículo – sem a utilização de caçambas. Na prática, isto quer dizer que são os automóveis de porte um pouco maior do que veículos de passeio, como as camionetes grandes, mas inteiramente coberto.

Vantagens de um utilitário

Um veículo utilitário possui uma série de vantagens que, como o próprio nome indica, tornam-o útil e versátil para diversas situações. Utilitário geralmente são potentes e capazes de andar em estradas em condições um pouco piores, tendo um bom desempenho para carregar cargas razoáveis.

Ao mesmo tempo, seus interiores espaçosos e – na grande maioria dos casos – confortáveis, tornam a categoria excelente para o uso urbano, contando com a vantagem de não ocupar tanto espaço na cidade quanto uma grande camionete.

Com a soma destas duas grandes habilidades, os utilitários são uma ótima escolha para quem precisa carregar cargas ou ter um carro potente, mas não abre mão do conforto e do espaço internos, seja para uso próprio, ou para carregar a família.

Os utilitários leves e esportivos

A partir de 2013, houve uma explosão do mercado de utilitários no Brasil. Rapidamente, os utilitários começaram a competir em sofisticação e conforto com os sedãs, que dominavam boa parte do segmento de automóveis familiares.

Os chamados “utilitários leves” ou “esportivos” são, na maior parte dos casos, veículos um pouco mais focados na parte do transporte humano do que no transporte de carga. Por isso, possuem uma grande quantidade de tecnologia embarcada, e conforto interno que justificam a grande briga com os sedãs.

O esforço das montadoras em atender a este segmento do mercado é impressionante: praticamente todas as grandes montadoras do país lançaram um novo modelo, ou reformularam completamente seus utilitários antigos, desde 2013 – boa parte delas, inclusive, lançou utilitários em diferentes faixas de preço.

Principais modelos do mercado

Por possuir diversas faixas de mercado diferentes, o preço dos modelos utilitários pode variar bastante. De maneira geral, utilitários possuem um valor que compete com sedãs que estão na mesma faixa de sofisticação – o que significa que seu preço pode ir do equivalente a um sedã médio, até um sedã de luxo, de acordo com o requinte do modelo.

Uma preocupação significativa do mercado é a desaceleração econômica. O frenesi do consumo de utilitários parece ter sofrido um forte baque, recentemente – em especial os modelos de valor intermediário. Em queda ou não, no entanto, a categoria segue fazendo forte frente aos sedãs.

No Brasil, os 5 utilitários mais vendidos possuem uma significativa variação de valor e características:

Em primeiro lugar, o mais vendido – e um dos mais baratos da categoria – é o Renault Duster, seguido pelo Ford Ecosport, Hyundai Tucson, Mitsubishi Pajero e Honda CRV.

Comentar

Clique aqui e deixe seu comentário

Carros 2019: Confira os principais lançamentos

Recurso de multas