Início » Motos » Honda SH 150i 2017: nova categoria de scooter

Honda SH 150i 2017: nova categoria de scooter

A Honda SH 150i 2017 já foi lançada no mercado brasileiro, com a expectativa de replicar seu enorme sucesso no mercado europeu. Aproveitando o momento de fortalecimento da ideia de scooters para além da questão econômica, a intenção é que fico posicionada acima da linha PCX 150, o que pode a transformar na escolha natural de sucessão da líder entre as scooters nacionais.

A Honda SH 150i 2017 é cerca de 20% mais cara que a PCX da marca, que domina o mercado. Há, no entanto, uma série de itens adicionais de fábrica que justificam o valor, além de criar a ideia de continuidade de catálogo.

Saiba o que esperar desta scooter que já demonstrou-se como um potencial sucesso no mercado global, e chega no Brasil para testar o interesse do mercado em um modelo um pouco mais sofisticado para o uso urbano:

Quais os planos da Honda SH 150i 2017?

A clara intenção da Honda é entender qual a reação do mercado à estreia do modelo, avaliando o crescimento de segmento de scooters. Não é nenhum segredo que as marcas de motocicletas apostam no crescimento da categoria – como visto no interesse de entrada da própria Vespa.

A proposta é oferecer um modelo de entrada com valor bastante razoável – fixado em R$ 12.450 para o período inicial, com todas as vantagens da linha Honda – garantia de três anos, pacote de troca de óleo com descontos e facilidades de financiamento ou consórcio com a instituição financeira da própria marca.

Com isso, há melhoria perceptíveis em relação ao PCX: as rodas de 16 polegadas, ABS de série em todas as versões, iluminação em LEDs (inclusive na traseira) e uma série de outros mimos no acabamento. O plano é demonstrar evolução na sofisticação, possivelmente com o escalonamento dos compradores em potencial que já estão na PCX e não pretendam sair do segmento das scooters.

Design chama a atenção

Gostar do design de scooters é, naturalmente, algo pessoal. No caso da Honda SH 150i 2017, não há como negar que a fluidez de seu desenho chama a atenção. A carenagem consegue mesclar elegância e angulação na medida certa. Segundo a análise de um jornalista europeu, ela mescla características interessantes do design japonês para o gosto do velho continente, o que é uma verdade.

Honda SH 150i 2017

A qualidade do acabamento chama a atenção nesta moto. O mercado está acostumado a scooter um pouco mais desleixadas, focadas no baixo custo. O que já vinha mudando com a PCX, no entanto, é levado a um novo nível na SH. Materiais de qualidade, pintura perolizada de série e a beleza do painel chamam a atenção neste modelo.

Motorização traz ajustes

O bloco que dá força à moto não é novo no mercado brasileiro. Trata-se do mesmo 149,3 cm3 da PCX, o motor de um cilindro e refrigeração a líquido. Nada a reclamar, considerando o bom desempenho deste motor para o uso urbano para o qual foi desenvolvido.

Honda SH 150i 2017 branca

A novidade está no ajuste fino do modelo em relação ao irmão menor. Enquanto o 150 da PCX entrega 13,1 cavalos de potência, uma atualização no 150 da SH permite que o motor gere até 14,7 cavalos de potência, o que representa uma melhoria significativa para o modelo.

Além disso, o modelo é mais econômico, e conta com algumas tecnologias interessantes. Além da transmissão automática CVT, o sistema Idling Stop desliga o motor depois de três segundos em inatividade ou marcha lenta. Ainda não foram divulgados os percentuais de economia com essa funcionalidade.

Projeto novo

Um dos claros orgulhos da montadora em relação à Honda SH 150i 2017, é o desenvolvimento de um projeto completamente distinto das Scooters já tradicionais no Brasil, em especial à antiga Biz. A SH é um projeto global da marca, adaptado aos padrões europeus e aos requisitos de lá.

O câmbio automático CVT e o estilo de rodagem são completamente diferentes dos projetos nacionais, que apostam muito mais na competitividade de preço. Para quem julga já conhecer a Honda SH 150i 2017 em função de seus irmãos de catálogo, certamente vale a pena conferir as verdadeiras características do novo modelo ao vivo.

Carros 2018: Confira os principais lançamentos

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas