Início » Mecânica » Vulcanização de pneus: o que é? Para que serve?

Vulcanização de pneus: o que é? Para que serve?

Em tempos de crise, você motorista pensa duas vezes antes de trocar os pneus e a vulcanização surge como uma alternativa mais econômica. Mas afinal de contas: o que é a vulcanização? Entender no que consiste o processo é de extrema importância, não só para ser um melhor motorista, mas também para não cair em possíveis golpes.

Portanto, primeiro vamos entender o que é de fato a vulcanização, e depois trataremos de como ela é aplicada e com que finalidade. Na sequência, vale a pena analisar a questão financeira para saber se a vulcanização vale ou não a pena. Logo, se você for mais uma vítima das péssimas condições do asfalto urbano, não se desespere, a vulcanização pode ser a sua salvação.

Vulcanização de pneus

Origem do processo

O processo de vulcanização foi patenteado pelo ilustre inventor estadunidense Charles Goodyear. Charles estudava o látex e suas aplicações práticas. Dentre suas experiências, estava uma na qual ele tentava garantir uma maior resistência para a borracha. Após muitas tentativas, uma das misturas foi bem sucedida e surgiu a vulcanização.

O nome deriva do nome do antigo deus romano do fogo, Vulcano, o qual se chamava Hefesto na tradição grega. O processo consiste numa adição minuciosa de enxofre na mistura da borracha, sempre a uma determinada temperatura e em um determinado período de tempo. Esse processo hoje é bem comum, e quase todas peças de borracha passam por ele.

Como se aplica aos automóveis

Os pneus automotivos, sendo feitos de borracha, durante sua fabricação passam pelo processo de vulcanização. Como já dito, ele serve para garantir mais resistência à borracha que irá sustentar o carro. Contudo, esse processo é mais conhecido pela sua aplicação na reparação de pneus danificados.

Nesse sentido, a vulcanização se inicia com uma raspagem da área do pneu que foi estragada. Essa raspagem é feita por fora e por dentro. Após isso, aplica-se uma cola juntamente com um reforço de borracha, bem como a substância vulcanite, tudo com a finalidade de “reconstruir” a parte destruída da borracha.

Após isso, o pneu vai para a máquina vulcanizadora, a qual esquenta o pneu durante uma hora para depois ser esfriado por duas horas. O tempo e a temperatura são essenciais, pois caso um dos dois seja aplicado de maneira errada, o processo é menos efetivo. Como já citado, Goodyear patenteou o processo em seus mínimos detalhes.

Qual a finalidade da vulcanização?

Mas então, para que serve a vulcanização? Fora sua aplicação geral em borrachas, esse processo é muito utilizado em caso de furo ou rasgo do pneu. Assim, se você teve seu pneu furado ou rasgado, você tem uma série de opções para resolver o problema, e uma das melhores é a vulcanização. Isso porque comprar um pneu novo – nos dias atuais – constitui um gasto muito grande.

Logo, o preço de uma vulcanização para reparar um furo constitui, geralmente, menos da metade do preço de um pneu novo. Vale ressaltar também, que comparada aos outros processos de reparo, a vulcanização é mais segura e confiável. Isso porque o pneu volta a rodar como se fosse novo depois de terminado o procedimento.

Vale a pena?

Por fim: vale a pena fazer uma vulcanização em caso de furo do pneu? A resposta para essa pergunta vai depender da situação do seu pneu. Se ele já estiver muito gasto, talvez o melhor seja esquecer do furo ou rasgo e investir um pouco mais em um novo. Caso seu pneu ainda tenha condições de rodar mais, faça o procedimento. Mas lembre-se de ir sempre à borracheiros confiáveis, caso contrário podem te vender um processo de reparo que não é de fato a vulcanização.

Lembre-se que para evitar gastos excessivos, vale a pena fazer a rotação dos seus pneus, bem como mantê-los sempre bem calibrados. Muitas vezes não há como evitar os buracos que nos perseguem em nossas ruas, contudo, se o pior acontecer considere a vulcanização. Ela pode te ajudar a diminuir o prejuízo, sendo a solução de melhor custo benefício disponível.

Carros 2018: Confira os principais lançamentos

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas