Início » Carros » Volkswagen Virtus 2017: novo sedã é anunciado

Volkswagen Virtus 2017: novo sedã é anunciado

O Volkswagen Virtus 2017 foi apresentado recentemente no Salão do Automóvel de Genebra. Por lá, o surgimento do modelo gerou algumas surpresas da mídia especializada, que esperava atenção especial à nova geração do Polo – um dos modelos mais vendidos da VW no velho continente.

No entanto, foi o sedã MQB abaixo do segmento médio que recebeu destaque em uma das apresentações mais importantes da montadora. Ao que tudo indica, o sedã é enxergado como uma espécie de plano de reação da VW nas Américas, após uma perda significativa do mercado por aqui.

Se o Volkswagen Virtus 2017 realmente cumprirá a função, ainda é um mistério. Isso porque sua apresentação não foi completa: apenas algumas de suas características básicas foram mostradas, como design, plataforma e posicionamento de mercado.

Saiba o que foi revelado e o que esperar do Volkswagen Virtus 2017:

Lançamento surpreende mercado

A VW já havia anunciado que 2017 reservaria um total de dez lançamentos, incluindo cinco modelos novos. O que não era exatamente esperado, no entanto, é que um espaço de destaque em um dos eventos mais importantes dos mundo automotivo fosse utilizado para um sedã de segmento intermediário.

Isso é especialmente verdade levando-se em consideração fatores como o lançamento do novo Polo, que chama a atenção da mídia em uma escala extremamente significativa. O lançamento do Volkswagen Virtus 2017, no entanto, não foi visto com maus olhos.

Apesar da pouca informação, ele demonstra que a VW pensa em sua linha de maneira mais estratégico que a aparência puramente prática que passa, em algumas ocasiões.

Entre Voyage e Jetta

Entre as informações obtidas, é que o Volkswagen Virtus 2017 será lançado, entre outros, no mercado brasileiro, e que utilizará – é claro – a global e onipresente plataforma MQB da VW por aqui.

Volkswagen Virtus 2017
Além disso, o modelo não parece ter a intenção de aposentar nenhum de seus irmãos. Ele deve estar estrategicamente posicionado entre o Voyage e o Jetta, atendendo a categoria onde Cobalt e City brigam com vendas interessantes nos últimos tempos.

Nada de retorno do Santana

Se você costuma acompanhar notícias sobre a linha da Volkswagen, é possível que algo tenha despertado sua atenção, no parágrafo anterior. Um modelo entre Voyage e Jetta era o plano mais ou menos anunciado do VW para o Santana até então. De fato, a confirmação do Volkswagen Virtus 2017 é – simultaneamente – o  “não” ao retorno do Santana.

Para os saudosistas, não há motivo para preocupação. O provável por aqui era o Santana chinês, equipado com plataforma mais antiga e com todas as chances de “adaptação a toque de caixa” para nosso mercado. A utilização de um modelo com MQB favorece, até mesmo, a chegada de modelos mais interessantes por aqui. Isso porque reduz o custo de produção de vários carros da marca.

Sem valores ou maiores informações

Além do posicionamento de mercado e de sua aparência, pouco é verdadeiramente conhecido a respeito do Volkswagen Virtus 2017. Seu anúncio foi feito com toque revelador, mas pouco foi efetivamente revelado ao final do evento.

Informações como motorização, tecnologia, interior e etc. permanecem um mistério para todos. Acredita-se que a intenção seja revelar estes dados de forma mais segmentada, uma vez que várias adaptações devem ser feitas para cada mercado.

Dúvidas sobre relação Gol/Polo após surpresa

Até então, era quase certa a chegada da nova geração do Polo europeu para o Brasil, rebatizado com o nome do Gol. A surpresa e a algumas informações soltas já fazem diversos meios de comunicação brasileiros repensarem a possibilidade.

Para muitos, o lançamento de novos modelos e as declarações a respeito da reação no mercado podem interessar, à VW, a utilização do nome Polo. Isso colocaria o Gol em uma posição desconfortável e completamente desconhecida. Em regra, deveria ser aposentado. Sua posição como um clássico da VW, no entanto, faz com que isso seja quase impossível, tornando o futuro a respeito da dupla bastante incerto.

Carros 2018: Confira os principais lançamentos

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas