Início » Lançamentos » Toyota Prius: inovação tem nome, forma e estilo

Toyota Prius: inovação tem nome, forma e estilo

Ele é um dos dez carros mais famosos da Toyota, e é nada mais nada menos do que o primeiro carro híbrido produzido em massa no Japão, lançado em 1997. O nome Prius vem do latim “prior” e “previus”, ou prévia em português. E não é à toa…

Na verdade, o Toyota Prius é pioneiro no mundo todo no quesito veículo híbrido em série, combinando um motor a gasolina e um elétrico. Com isso, cai o consumo de combustível e, por consequência, a emissão de CO2. Uma revolução tanto para o bolso quanto para a natureza.

A tecnologia híbrida chegou para transformar a maneira de dirigir no futuro. Ao desacelerar ou frear, o motor elétrico exerce a função de gerador e transforma a energia cinética do veículo em energia elétrica usada para carregar a bateria. Não é o máximo?

O Toyota Prius conta com um motor a gasolina de 1,8 litro VVT-i1 16V DOHC2 com quatro cilindros e potência de 99 cavalos. Sua estrutura é leve e compacta, desenhada especialmente para atuar em conjunto com o motor elétrico.

O resultado de tudo isso é uma potência combinada de 134 cavalos, além de motor a gasolina com autonomia de 700 km na cidade.

Conheça os principais benefícios de um carro híbrido

  • Não precisa de carga externa da bateria
  • Não necessita de troca periódica de bateria
  • O sistema híbrido permite que a bateria seja carregada constantemente, pelo motor a gasolinaou por meio das chamadas frenagens regenerativas
  • Dispensa carregamentos e descarregamentos bruscos que reduzem a vida útil da bateria

Vantagens de dirigir um Toyota Prius

O Toyota Prius usa somente o motor elétrico até a carga da bateria chegar a um nível crítico. É quando o motor a gasolina entra em cena.

A partir desse ponto, o elétrico ganha a função de gerador, transformando a energia cinética das frenagens na energia elétrica que mantem a bateria.

Quando o Prius está em alta aceleração, o motor a gasolina ajuda o motor elétrico; se não é necessária a recarga de bateria, o sistema híbrido desliga os motores temporariamente, evitando o consumo de combustível. E basta um toque no acelerador para reativar os motores outra vez.

Outra vantagem ao dirigir o Toyota Prius é a ausência de ruídos, graças ao motor elétrico. Mesmo que o motor a gasolina esteja funcionando, o silêncio permanece, proporcionando bem-estar para os ocupantes, além de reduzir a poluição sonora no ambiente.

E tem muito mais: o monitor digital 3D é uma parte do conceito inovador do híbrido Toyota Prius. Um comando no volante faz o moderno display 3D do painel digital indica como estão sendo usados os dois motores e quando a bateria é carregada.

Sem dúvida, o Prius é um carro econômico e ecológico. Para completar as vantagens dele, o design aerodinâmico é minimamente resistente ao ar – o que auxilia ainda mais na redução do consumo de combustível ou energia elétrica.

Com o Toyota Prius, a montadora mostra, na prática, o que é compromisso com a sustentabilidade. O desenvolvimento do planeta de forma responsável faz parte da filosofia da empresa, que já vendeu mais de 8 milhões de veículos híbridos no mundo.

Só de Toyota Prius foram 5,2 milhões de automóveis negociados. O que demonstra como a tecnologia híbrida vem revolucionando o conceito de dirigibilidade. Alguém duvida?

Tecnologia híbrida em alta velocidade é Toyota Prius.

Até o próximo artigo!

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas