Início » Todos os posts » Carros » Toyota Corolla 2020 já começa a surgir: veja as novidades e previsões

Toyota Corolla 2020 já começa a surgir: veja as novidades e previsões

Sedã médio mais vendido do Brasil e um dos mais vendidos do mundo, o Toyota Corolla 2020 está desembarcando por aqui!

Neste artigo, venha descobrir tudo o que você precisa saber sobre um dos modelos mais desejados por motoristas mundo afora.

Toyota Corolla 2020

Símbolo maior em vendas para a montadora, o Corolla ainda é um dos nomes mais antigos do segmento automotivo e está chegando com a sua décima segunda geração.

Lançado no Japão em 1966, o modelo já superou os 44 milhões de unidades vendidas mundialmente, evoluindo sempre a cada nova geração.

De acordo com flagras divulgados, o Toyota Corolla 2020 foi criado a partir de um duro trabalho.

Mais que uma simples evolução em relação ao modelo atual, ele ainda será equipado com uma nova plataforma, conhecida pela sigla TNGA – Toyota New Global Architecture.

Mas chegou a hora de pisar fundo e deixar você por dentro deste tão aguardado lançamento.

Vem com a gente!

A expectativa

Pelo que constatamos, o Toyota Corolla 2020 deve ter sua produção brasileira iniciada a partir de maio deste ano.

Entretanto, essa nova geração já andou desfilando pelos salões mostrando um pouco como deverá ser a versão nacional.

A primeira novidade é que, além de melhorias nos modelos 2.0, o Corolla irá apresentar sua primeira versão híbrida!

Falando nisso, o híbrido apresentado nos Estados Unidos será a base visual para as versões produzidas por aqui.

Nos demais mercados, ele terá algumas mudanças pequenas, de acordo com a versão, nos para-choques.

Outra novidade esperada é a utilização, pela primeira vez, da plataforma TNGA, a mesma utilizada no Prius.

Com isso, o Toyota Corolla 2020 apresentará mais modularidade, graças à presença das duas versões a serem lançadas: combustão e híbrida.

Toyota Corolla 2020

A motorização

Para acelerar esse sonho e consumo, você poderá contar com uma nova geração de motores 2.0 aspirados.

Eles foram mais trabalhados para render ainda mais com os câmbios modelos CVT, que ainda ganharão ajuste mais esportivo e marchas baixas mais curtas.

E vale lembrar que a tecnologia híbrida Flex já está em testes para os modelos brasileiros!

Uma das opções contará ainda com um motor 1.8 de quatro cilindros. Em combinação com o motor elétrico, o Toyota Corolla 2020 pode apresentar uma potência de 125 cv.

Já seu consumo, nos testes com etanol, chegou a 17,5 km/l. A previsão é de que esse modelo chegue ao Brasil apenas em agosto desse ano.

Além da motorização do Prius e a plataforma TNGA, o entre-eixos do novo Corolla está um pouco maior. Assim como as bitolas traseira e dianteira estão mais largas.

Nesse aspecto, uma das grandes mudanças é a introdução de uma suspensão traseira independente.

O interior

Pelos lados do motorista e passageiros, o Toyota Corolla 2020 poderá apresentar mais novidades em relação ao modelo atual.

A partir da versão norte-americana, conferimos itens como alerta de colisão, indicadores de pontos cegos e monitor de faixa de rolamento para todas as versões.

Mas ele ainda vai ganhar central multimídia e telas de até oito polegadas, variando com a versão. Sem falar que com esse sistema mais moderno, o novo Corolla 2020 poderá ser compatível com sistemas Android Auto e CarPlay!

A tecnologia

Com a tecnologia, o Toyota Corolla 2020 também vai apresentar modelos equipados recursos de segurança avançados.

No caso dos modelos recentes que usam tecnologia híbrida, a tecnologia desempenha um papel essencial para o início de novas formas seguras para veículos elétricos.

Como exemplo dessa segurança, o novo Corolla pode apresentar a recente tecnologia Toyota Safety Sense.

De acordo com a disponibilidade e especificações definidas para cada mercado, a montadora procura garantir que esse novo Corolla contribua para os investimentos constantes em veículos cada vez mais seguros.

O design do modelo

Desde sua apresentação no Salão de Genebra, ficou claro de que sua inspiração partiu do hatchback Auris.

Mas, ao chegar ao mercado brasileiro, além das diferenças presentes na versão de produção, você pode esperar por detalhes que serão exclusivos no modelo nacional.

Pelo que constatamos, a montadora pode alterar seu visual, visando se adequar para cair no gosto do brasileiro, claro.

Como os protótipos que foram flagrados até o momento escondem quase toda a carroceria, fica difícil imaginar como poderão ser suas linhas externas.

O que fica certo é afirmar que o Toyota Corolla 2020 será similar com o Auris mesmo. Por dentro, tudo é mistério, pois a montadora ainda não revelou sequer o interior de um modelo Auris.

Outro fator interessante é a de que, como já falamos, ele deve ser mais leve graças à sua nova plataforma modular.

Isso vai garantir um interior mais espaçoso, principalmente para passageiros traseiros.

Toyota Corolla 2020

Agregando valor

Entre uma das grandes mensagens que o Toyota Corolla 2020 desejar passar, está a forma de a montadora mostrar que se esforça para projetar novos modelos cada vez mais atraentes e prazerosos.

Tanto para passeios quanto para o transporte diário, as melhorias do novo modelo têm mais do que apenas funções para o trabalho e o lazer.

A aposta está também na função de conectividade entre as pessoas para criar novo valor, baseado num veículo que enobrece a mobilidade de cada cliente.

A dirigibilidade

Como marca registrada dos modelos, um Corolla sempre mantém a experiência de condução mais solta, agradando proprietários de diversos países e continentes.

E, com a presença da nova plataforma, o Toyota Corolla 2020 vai oferecer um desempenho ainda melhor, garantindo mais conforto, segurança e uma condução mais suave.

Com e silhueta desportiva e um centro de gravidade mais baixo, o modelo aposta numa postura mais baixa para conseguir superar em satisfação de dirigibilidade os modelos atuais.

As previsões

Até o momento, constatamos que as vendas na Europa e Estados Unidos devem começar a partir do mês de maio. São esperadas participações nos mercados de cerca de 140 países.

Enquanto esperamos um início de vendas na China previsto para o segundo semestre, por terras japonesas os modelos ainda serão otimizados.

No Brasil, os números ainda são incertos. Mas a espera, certamente, valerá a pena!

Carros 2019: Confira os principais lançamentos

Recurso de multas