Início » Todos os posts » Carros » SsangYong Tivoli 2018 tem duas versões anunciadas

SsangYong Tivoli 2018 tem duas versões anunciadas

O SsangYong Tivoli 2018 é um modelo um tanto polêmico no mercado brasileiro. Fortemente inspirado no design de outros modelos já conhecidos no mercado, e com escolhas estéticas questionáveis, o modelo adquire espaço aos poucos, na medida em que a marca asiática constrói sua confiança por aqui.

Saiba o que esperar do SsangYong Tivoli 2018, e o que o modelo traz de interessante para o mercado nacional:

Proposta completa a preço acessível

Esse novo SUV é um carro que contém muitos acessórios que podem lhe agradar, como por exemplo: ar duas zonas digital, trio elétrico, sensores de obstáculos na dianteira e na traseira do carro, luz diurna de LED, controle de cruzeiro, rodas de liga leve de 18 polegadas que contribuem para o design e para a estabilidade do SUV.

SsangYong-Tivoli-2018

Abertura elétrica do porta-malas, controles de estabilidade e de tração, bancos de couro, cinto de três pontos e apoios para a cabeça em todos os assentos, ventilação nos bancos do motorista e do passageiro, chave presencial, três modos de condução, retrovisor foto cromático, rebatimento dos retrovisores, volante multifuncional com ajuste de altura e profundidade, central de multimídia, câmera de ré e muito mais que você poderá conferir fazendo uma breve pesquisa sobre a ficha técnica do novo SsangYong Tivoli 2018.

Veja também: SsangYong Actyon Sports 2018: o retorno da picape

Toda essa listagem de qualidade demonstra o quanto a montadora busca impressionar o público sob uma perspectiva racional, uma vez que seu nome não possui tanto peso quanto as tradicionais do mercado. Em resumo, o modelo busca trazer razoabilidade no que oferece para conquistar um segmento extremamente disputado no mercado.

Qualidade pode ser um diferencial

Ao contrário do que se costuma esperar em marcas emergentes, a SsangYong está claramente investindo em qualidade para o público, fugindo do estereótipo de “completa, barata e medíocre”. O couro que é apresentado nos bancos é de boa qualidade, a câmera de ré contém uma boa imagem e certamente vai ser capaz de auxiliar você quando estiver estacionando, sem os erros comuns em concorrentes que focam no baixo preço.

SsangYong-Tivoli-2018-interior

A direção elétrica pode ser ajustada em três níveis que alteram o peso da direção, ou seja, é uma boa pedida para motoristas que acham a direção elétrica leve demais a ponto de se sentirem desconfortáveis com relação a mobilidade extra do carro.

Versão básica também estará disponível

A notícia ruim é que a montadora vai trazer duas versões desse modelo: uma com todos os itens mencionados anteriormente, e a outra vai vir com uma configuração mais básica e funcional. Logo, não serão todos os proprietários do novo SsangYong Tivoli 2018 que poderão usufruir de tudo o que esse modelo novo tem para oferecer, o que retira boa parte deste diferencial.

Valor pode ser um problema do SsangYong Tivoli 2018

O principal problema do modelo parece ser o valor: mesmo a versão de entrada que contém uma configuração mais simples e sem todos os diferenciais, está na casa dos R$ 85 mil. Já a versão mais completa, está saindo atualmente por R$ 100 mil reais. O que de fato não é um preço muito atrativo para esse modelo não é mesmo, já que o design não é algo muito atraente para os consumidores brasileiros, e o mesmo valor o aproxima demais de concorrentes de montadoras mais tradicionais.

SsangYong-Tivoli-2018-traseira

Embora seja um modelo bastante interessante, certamente pode deixar muitas pessoas de fora por conta do valor que os importados estão apresentando atualmente. A intenção era que para o ano de 2018, o valor dos importados reduzissem depois da saída do famoso “Super IPI”. Porém, a ausência da isenção das taxas prejudicou significativamente as estratégias de empresa. Isso faz com que o produto final seja significativamente mais caro do que aquilo que se poderia esperar, reduzindo o principal argumento de vendas para o modelo: a racionalidade.

Carros 2019: Confira os principais lançamentos

Recurso de multas