Início » Carros » Renault Scenic 2018: Mudanças profundas da Europa

Renault Scenic 2018: Mudanças profundas da Europa

A Scenic 2018 deve chegar ao mercado europeu com algumas novidades bastante interessantes. Com irmãos de marca cheios de opções tecnológicas na nova fase da Renault, o modelo pode aproveitar para rechear-se de boas opções.

Longe do mercado brasileiro há algum tempo, não há nenhuma indicação de que o modelo deva voltar. Após a popularização dos SUVs, há cada vez menos espaço para a proposta da Scenic, e a Renault brasileira não sinaliza seu retorno.

O que esperar da Renault Scenic 2018?

Ainda em 2016, muito foi falado, no mercado francês, a respeito da necessidade de adição de sistemas eletrônicos de segurança ativa e passiva. O motivo é óbvio: um veículo familiar exige segurança para que seja atrativo para o mercado. Por isso, a Scenic 2018 deve incluir uma série de adições tecnológicas em breve, neste sentido.

Além disso, o modelo deve tornar-se mais econômico. Parte disso ocorre com a adoção da nova caixa de transmissão automática, com seis velocidades. Entre as expectativas para a Scenic 2018, no entanto, não espere uma versão brasileira. O modelo deve ser mantido apenas na Europa.

Por aqui, o foco da montadora é nos aquecidos segmentos de SUV, e a reintrodução da Scenic em uma categoria de pouquíssimo apelo simplesmente não parece fazer sentido para a montadora.

Mudanças visuais devem ser significativas

Ao que tudo indica, a Scenic 2018 irá herdar vários benefícios do avanço de outros modelos da Renault. Em primeiro lugar, o modelo deve perder cerca de 100 quilos em relação ao atual – o que naturalmente representa um grande benefício.

Visualmente, o modelo deve mesclar seu conceito atual com algumas características do novo Mégane. Isso o torna mais elegante – o que é um desafio para um carro cuja categoria o torna, por padrão, desajeitado. Para atingir o objetivo, deve adotar os vincos suaves longitudinais do sedã, e aproximar-se um pouco mais do chão.

Outra expectativa visual interessante é a adoção dos faróis do Mégane ou do Talisman, ambos sedãs do mercado europeu. Muito mais atuais, os faróis poderiam garantir um fôlego significativo para a Scenic 2018, ao oferecer um conceito esteticamente atraente para o mercado.

Variações na carroceria e mais tecnologia interna

O que não deixa dúvidas a respeito da Scenic 2018 é a adição de diversas opções tecnológicas, além de variações na carroceria para melhor atender às demandas. O modelo será oferecido como Scenic e Grand Scenic, diferenciados essencialmente pelas fileiras de assentos. A primeira contará com cinco lugares, enquanto a a segunda é oferecida em sete assentos, distribuídos em três fileiras.

Soma-se a isso adições tecnológicas, como uma generosa tela touchscreen de 8.7 polegadas como central multimídia e o display head-up adotado em alguns dos modelos mais avançados da linha Renault. O sistema de som conta, ainda, com conjunto de caixas de alta qualidade da BOSE, no mercado europeu.

Essa sempre foi, aliás, a proposta da Scenic: um veículo familiar, rico em segurança, conforto e entretenimento. Por isso, não impressiona que o modelo adquira alguns dos itens mais interessantes de veículos supostamente superiores do catálogo. Assim como já desenvolvido no Talisman, por exemplo, o sistema de áudio da Bose conta com um total de 15 saídas de áudio, já incluindo as saídas do vibrações em baixo.

Motorização e conjunto mecânico  praticamente definidos

Embora não seja oficialmente confirmado, praticamente tudo indica quais serão os motores utilizados pela Scenic 2018. O modelo deve ser abastecido a diesel para alimentar um motor turbo de 1.6 litros e quatro cilindradas. O motor torna a Scenic mais forte, passando dos 130 cavalos atuais para, possivelmente, cerca de 200 cavalos de potência.

Além disso, cogita-se para um futuro breve uma combinação de motores. Em teoria, a Renault estuda a utilização de um 0.9 litros a diesel em conjunto a um motor elétrico para operar a primeira Scenic híbrida. Possivelmente, a novidade deve chegar depois de 2018.

O novo câmbio de seis velocidades EDC deve ser padrão da Scenic 2018, considerando que é uma das principais novidades já confirmadas para o modelo.

Comentar

Clique aqui e deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas

Gostou desse carro? Dê sua nota!

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (No Ratings Yet)
Loading...
teste