Início » Carros » Projeto Fiat X6H: Sucessor do Punto deve chegar em 2017

Projeto Fiat X6H: Sucessor do Punto deve chegar em 2017

O Projeto Fiat X6H, conhecido como o sucessor do Punto no mercado nacional em 2017, parece buscar cada vez mais atenção da mídia em seus passeios. Cada vez mais recorrentemente, o X6H ainda aparece com diversos adereços para esconder seu verdadeiro visual.

A verdade é que todos os projetos X6, incluindo o X6H, chamam bastante atenção por marcarem a nova geração da linha popular da Fiat, exceto, é claro, os dois modelos subcompactos.

As aparições, no entanto, não são um indicativo de que o modelo está próximo de ser lançado. Em Betim, onde será produzido,  já se sabe que mais de um semestre separa o mercado nacional do Projeto X6H.

Saiba o que já se especula sobre o modelo, e quais são as poucas informações confirmadas em relação a ele, até então:

Aparições recorrentes, estreia ainda para o futuro

Mesmo que o estado de Minas Gerais torna-se cada vez mais familiar com as mulas em torno do Projeto X6H, isso nada quer dizer sobre sua chegada imediata na mercado. O carro que desfila com pedaços de Punto cobertos de lona preta em testes de rua está quase um ano adiantado em relação ao seu lançamento oficial.

Na fábrica da Fiat, estima-se que o Projeto Fiat X6H chegará às ruas comercialmente apenas em agosto de 2017. Deve ser, ainda, o primeiro de todos os “projetos X6” a chegarem oficialmente ao mercado.

Futuro definido para a “família X6”

Não é nenhuma novidade de que toda a família X6 é o próximo grande passo da Fiat. Para o sedã, atualmente chamado de X6S, a estreia deve após o hatch. Com o objetivo de aposentar o Grand Siena e o Linea, o novo projeto será produzido na Argentina, no complexo de Córdoba.

Já a nova geração da Strada, também parte da família e criativamente chamada de X6P, de Picape, deve demorar um pouco mais. A expectativa é que esteja no mercado em meados de 2018, quase um ano após a vinda do X6H.

Visual e estruturas próprios

É difícil determinar exatamente o que se espera visualmente do Projeto X6H. A dificuldade é fruto da vontade da Fiat de esconder seu novo modelo, apesar das recorrentes e súbitas vontades de levar a versão mula para passear.

Segundo diversos anúncios já realizados, o modelo não deve ter a estrutura do Tipo europeu e sua linha italiana. Ao que tudo indica, a adoção destes padrões resultaria em um veículo mais caro do que o esperado para o mercado.

Segundo diversas especulações, o mesmo pode ser dito até mesmo dos traços visuais do modelo. Afirma-se que o Projeto X6H carregará aspectos próprios, desenvolvidos para o mercado local. É uma estratégia já conhecida da Fiat para o Brasil para evitar os altos custos.

Aspectos mecânicos

Sob os capôs dos novos modelos, pode-se esperar algumas novidades. Além do 1.0 de três cilíndricos já prometido no Fiat Uno com turbo e aspirador e do 1.8 E.torQ de nova geração, uma nova opção deve surgir.

Trata-se do 1.3 GSE inédito, que utiliza quatro cilindros, sem potência ou mais informações reveladas. Sabe-se, também, que a família X6 aposenta o câmbio Dualogic e dá adota o sistema de seis velocidades já utilizada na Renegade, valorizando o momento FCA.

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas