Início » Segurança » Pneu com câmara e sem câmara: qual escolher?

Pneu com câmara e sem câmara: qual escolher?

Já que não é fácil desviar de todos os buracos nas ruas brasileiras, a preocupação com os pneus torna-se constante, e assim surge a dúvida sobre a diferença entre pneu com câmara e sem câmara. Essa diferença pode ser bastante sutil e passar despercebida pelos olhos dos motoristas menos atentos. Contudo, vale destacar que o cuidado com os pneus de seu veículo é parte fundamental na vida de um bom motorista.

Assim, quando se fala em pneu com câmara e sem câmara, logo surgem certos tópicos a serem tratados. Afinal, qual a grande diferença entre um e outro? Qual vale mais a pena de ser usado? Existem diferenças em relação à segurança fornecida por um ou por outro? Posso fazer a conversão de um para o outro livremente?

Pneu com câmara e sem câmara

Vamos analisar estes itens um por um.  Confira abaixo as diferenças, características e pontos que merecem sua atenção neste assunto:

A diferença

De maneira bem simples, a diferença entre um pneu com câmara e sem câmara está em como este pneu se organiza no seu interior. Externamente quase não há diferença. Isso quer dizer que do ponto de visto estético não há com o que se preocupar. Contudo, a diferença interna está em como o ar ficará contido dentro do pneu.

No caso do pneu com câmara, dentro da capa de borracha do pneu há uma câmara de ar a qual se liga à válvula de enchimento. Por outro lado, o pneu sem câmara consiste numa capa de borracha projetada para vedar o ar e manter a pressão constante do pneu. Esse tipo de pneu deve sempre ser montado no aro correspondente e geralmente seu peso final é inferior ao peso do pneu com câmara.

Qual vale mais a pena?

Existe um aspecto que faz toda diferença quando se analisa um pneu com câmara e sem câmara. Esse aspecto diz respeito à situação do pneu no infeliz caso de um furo. O pneu com câmara, em caso de furo, rapidamente se esvazia e impede que o veículo siga rodando, devido à possíveis deformações do aro.

Por outro lado, o pneu sem câmara, uma vez furado, esvazia-se lentamente, dando a oportunidade de o motorista chegar em um ponto no qual ele consiga achar ajuda. Isso se dá devido à pressão envolvida na válvula em ambos os casos. Ou seja, no pneu com câmara, após um furo, o ar escapa justamente pela válvula de enchimento, ocasionando o esvaziamento instantâneo.

Segurança

Em matéria de segurança, também existe uma certa diferenciação entre pneu com câmara e sem câmara. Essa diferença se deve justamente à diferença no processo de vedação de ambos os tipos de pneu. Ou seja, o pneu sem câmara, por esvaziar lentamente, não apresentará grandes riscos de acidente em uma situação de um possível furo.

Essa questão de segurança pode parecer banal se pensarmos em um carro de passeio trafegando em uma cidade. Contudo, pneus com câmara e sem câmara são utilizados em diversos tipos de veículos, como bicicletas, motocicletas, carros e até caminhões. Portanto, ao se pensar num possível furo de pneu de uma motocicleta, é muito mais seguro que esse pneu se esvazie lentamente, de forma a não causar acidentes com o piloto. Essa mesma lógica se aplica à pneus de outros veículos quando trafegando em autoestradas em altas velocidades.

Conversão

Por fim, depois de analisar as diferenças entre pneu com câmara e sem câmara, você deve estar se perguntando: será que posso trocar meu tipo de pneu? A resposta para essa pergunta é muito relativa. Isso porque o mais adequado sempre é seguir as recomendações do fabricante no manual do seu veículo. Ou seja, siga usando o tipo de pneu que seu carro sempre usou.

Vale lembrar que existem os chamados pneus radiais, os quais em sua maioria admitem o uso ou não de uma câmara de ar no pneu. Esse artifício é muito usado por motoristas com o intuito de economizar, mas é de extrema importância ressaltar que não é aconselhável inventar moda quando o assunto é pneu. O ideal é mantê-los em dia, de acordo com as recomendações do seu fabricante, e investir um pouco mais quando necessário: afinal, segurança não tem preço.

Carros 2018: Confira os principais lançamentos

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas