Início » Todos os posts » Carros » Ford Ranger 2019 chega com atualizações

Ford Ranger 2019 chega com atualizações

O mercado das picapes mudou muito ao longo dos anos. Até alguns anos atrás, era um segmento praticamente 100% voltado para as necessidades dos consumidores de áreas rurais que precisam de um carro forte robusto, mas hoje em dia, as picapes são vistas da mesma forma que os SUV – isso, é claro, quando não competem com os utilitários.

Não bastasse a mudança mercadológica, o segmento ainda ganhou novas subcategorias, como é o caso das intermediárias representadas pela Fiat Toro e pela Renault Duster Oroch.

Ford Ranger 2019

A Ford Ranger é uma representante desse segmento ainda poderoso não só nos Estados Unidos, que é seu país de origem, mas também na América Latina, já que a versão que chega para nós é fabricada na Argentina e exportada para venda em outros países como Chile, Peru, México, Brasil, entre outros vizinhos.

Tempos nada fáceis para as picapes médias

Já no Brasil, a Ford Ranger enfrentar alguns concorrentes tradicionais, mas o principal é o maior rival da Ford, a picape da GM Chevrolet S10, que é praticamente uma sombra de suas estratégias.

Alguns dos outros concorrentes da Ford Ranger 2019 também são um problema, mesmo que o mercado das picapes seja mais favorável às marcas americanas. O recente crescimento do mercado asiático no segmento também pode ser uma preocupação, com Mitsubishi L 200, Toyota Hilux e Nissan Frontier, assim como a alemã Volkswagen Amarok.

Para combater a concorrência, a aposta em conforto e tecnologia busca aproximar o modelo dos desejos mais emocionais do mercado. As mudanças já chegaram no mercado dos EUA, e devem fazer parte do modelo em breve, por aqui.

O que esperar da Ranger 2019?

No lançamento da nova Ranger 2019, a expectativa aumentou significativamente após o vazamento de algumas fotos da mula camuflada, mas, de acordo com alguns rumores, o modelo aparentemente está sendo feito com alguns dos traços da F 150, uma das pick-up da Ford mais queridas pelos fãs de carros desse segmento.

A estratégia é interessante, já que além de ser um carro com uma aparência extremamente bruta, debaixo do capô um potente V8 faz qualquer um perder o fôlego. É claro que o motor provavelmente não acompanhará o “irmão menor” no segmento médio, mas a simples proposta de um modelo mais robusto já é suficiente para animar o público.

Já, por dentro, a nova Ranger 2019 deve ser diferente do atual, recebendo melhoras nos quesitos de segurança, upgrade no pacote de conforto proporcionado com novo acabamento interno. Os sistemas de bordo também devem ser atualizados, recebendo integrações para uso com os smartphones atuais.

Motorização já definida

A parte mecânica da Ranger 2019 de cabine dupla deve manter o padrão, com o atual motor de 3.2 L turbo diesel que gerem em torno de 200 cavalos de potência com torque enorme generoso, proporcionado pelo motor a diesel.

As outras opções da motorização dizem respeitos aos motores 2.5 Flex de 168 cavalos com gasolina e 173 cavalos com álcool, capaz de atingir velocidade máxima 171 km/h, assim como o motor 2.2 turbo diesel de 160 cavalos, capaz de desenvolver velocidade máxima de 164 km/h, com aceleração de zero a 100 km/h em 15 segundos, câmbio manual de cinco a seis marchas ou automático de seis velocidades, dependendo da versão.

Lançamento ainda conta com alguns mistérios

Ainda não há uma data prevista de lançamento no Brasil, porém o próximo Salão do Automóvel de São Paulo que acontecerá em novembro de 2018 poderá ser uma boa oportunidade para Ford do Brasil apresentar todas as novidades e mudanças da nova ranger 2019.

Atualmente os preços sugeridos da Ford Ranger começam em R$106.990 na versão de entrada. Já a Ranger completa custa nas concessionárias Ford o valor pouco acima dos R$ 190 mil. Não há informações sobre o preço sugerido para a Ranger 2019.

Carros 2019: Confira os principais lançamentos

Recurso de multas