Início » Carros » Fiat Tipo 2017: Análise, lançamento, versões e fotos

Fiat Tipo 2017: Análise, lançamento, versões e fotos

Muito diferente do hatch homônimo que circulou pelo mercado brasileiro na década de 90, o Fiat Tipo 2017 é a continuação do modelo apresentado em Genebra, em 2015. Fabricado na Turquia e nascido com o nome de Aegea, o Fiat Tipo 2017 chega com adições em sua linhagem, além do sedã médio já estabelecido.

Espaçoso, atrativo e sem grandes alardes, o Tipo 2017 começa a estabelecer-se cada vez mais como um plano de longo prazo da FCA. A fabricante acredita em um modelo capaz de representar a marca em diversos segmentos – de forma mais completa do que o Palio já fez no Brasil com sua Weekend, por exemplo.

Fiat Tipo 2017
Fiat Tipo 2017

Saiba o que já se sabe do Fiat Tipo 2017, na Europa, e quais são suas especulações no mercado brasileiro:

Em 2017, apenas no exterior

Ao que tudo indica, o Tipo 2017 deve rodar apenas fora do Brasil. Ao menos, é essa a informação oficial da FCA no Brasil. Há, no entanto, algumas evidências que parecem dizer o contrário, apesar das declarações.

Entrando no último trimestre do ano, a Fiat nada disse a respeito da continuação do Linea. Sabe-se que o sedã está na lista da aposentadoria em breve, e o Tipo 2017 parece a solução mais óbvia para a substituição. Além disso, diversas unidades do veículo foram vistas em circulação, andando em comboio, no Brasil.

Apesar das fortes evidências, a Fiat afirma que os veículos estavam em testes para os mercados internacionais, para simulação de algumas condições externas. Se a afirmação é verdadeira ou não, não é possível saber. O esforço da montadora em negar a chegada do modelo, no entanto, parece esconder alguma informação valiosa.

Uma linha completa nas categorias intermediárias

A ideia é que o Fiat Tipo 2017 não seja apenas um sedã médio da montadora italiana. Atualmente, as versões sedã, hatch e perua já circulam pelo mercado europeu. Todos eles o fazem sob a nomenclatura Tipo.

Fiat Tipo 2017 - Interior e painel
Fiat Tipo 2017 – Interior e painel

Embora ainda não confirmado pela montadora, acredita-se que o plano seja ter ainda mais modelos batizados com o nome. Seria o esforço em estabelecer uma assinatura forte para a marca, nas categorias médias.

Concorrência difícil

Construir um nome poderoso é importante para a Fiat neste momento. O Tipo 2017 – e seus próximos modelos – não devem passar por dias fáceis, ao enfrentar a concorrência. Para isso, um nome forte, capaz de fazer frente aos já bem estabelecidos no mercado global, é essencial.

Fiat Tipo 2017 - Traseira
Fiat Tipo 2017 – Traseira

No mercado de hatches, o tipo enfrenta gigantes, como o Ford Focus e o VW Golf – dois dos carros mais vendidos do planeta. Na categoria dos sedãs médios, a concorrência também se demonstra complicada.

No caso brasileiro, a disputa nos sedãs poderia ser especialmente traumática. Após os resultados modestos do Linea, a Fiat parece adotar uma postura de resignação em relação à perda do mercado dos sedãs médios.

Espaçoso em todas as versões

Se hatch e sedã parecem sofrer de ansiedade, a FCA parece suficientemente confiante com seu modelo perua. Segundo a montadora, é mais espaçoso e confortável do que os concorrentes.

Espaçoso, aliás, é um adjetivo que cabe bem em todos os modelos da linha. Mesmo o hatch apresenta confortáveis dimensões, que podem tornar-se um diferencial do modelo.

No caso brasileiro, em especial, uma perua que remonte o sucesso da weekend na Fiat poderia ser revigorante para a marca.

Carros 2018: Confira os principais lançamentos

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas