Início » Dicas » Desafio intermodal: Saiba como funciona o evento

Desafio intermodal: Saiba como funciona o evento

O desafio intermodal completa seu oitavo ano e torna-se cada vez mais interessante para compreender conceitos de mobilidade urbana e transporte de qualidade. Mais do que simplesmente uma corrida, trata-se de um trabalho de conscientização a respeito dos diferentes meios de transporte que podem ser utilizados em contexto urbano.

O desafio intermodal conta com cada vez mais cidades participantes e um processo de padronização cada vez mais evidente. Isso facilita significativamente seu desenvolvimento como uma espécie de mensurador da eficiência dos diferentes meios de transporte urbanos.

Saiba o que é o desafio intermodal, como funciona e quais as informações obtidas a respeito do desafio:

O que é o desafio intermodal?

O desafio intermodal é uma espécie de corrida que utiliza diferentes meios de transporte e diferentes modos de utilização destes meios. Consiste em cada participante sair de um local e mensurar todo o tempo necessário para que chegue ao outro, incluindo as diversas características intrínsecas de cada meio.

Trata-se de uma forma de definir quais meios de transporte são mais eficientes naquele determinado trajeto indicado para o teste. A ideia é permitir que os observadores concluam que carros não são a única forma possível de transporte, e que estão longe de ser o mais eficiente no quesito tempo.

Como funciona a competição?

Todos os competidores saem de um mesmo local combinado. A grande diferença em relação a competições comuns (além da variedade de meios de transporte) é a contabilização do tempo de tarefas relativas a cada meio.

Ao se utilizar um carro, por exemplo, é contado o tempo necessário até que o motorista chegue a ele. Além disso, o tempo necessário para encontrar um estacionamento também entra na mensuração.

Em grandes cidades, como São Paulo, utiliza-se até mesmo um helicóptero para participar da corrida. Obviamente, é contado o tempo necessário para que a pessoa chegue ao heliporto, por exemplo.

A corrida encerra-se, para todos, no mesmo local, sendo necessário sair de seu meio de transporte e posicionar-se no ponto de encontro final.

Quais os resultados mais comuns?

Surpreendentemente (ou não), o resultado mais comum no desafio intermodal é a vitória das bicicletas trafegando por vias rápidas e a de motocicletas – o que já era esperado.

É necessário considerar que a prova é desenvolvida de forma que aqueles que precisem de preparações adicionais – como encontrar uma vaga para estacionar – acabam perdendo um tempo significativo na competição. Vale considerar, no entanto, que o objetivo do desafio intermodal é exatamente demonstrar a eficiência de cada meio de transporte, considerando todas as suas etapas de utilização, no contexto urbano.

Quais são os modais que participam do desafio?

Os modais participantes variam de cidade para cidade. Em geral, pode-se estabelecer as seguintes modalidades participantes:

  • Pedestre: divididos nas categorias “caminhada” e “corrida”;
  • Ciclista: divididos nas categorias “por vias rápidas”, “por vias calmas” e “handbike”;
  • Mistos: divididos em “bicicleta dobrável + metrô”, “Trem + ônibus” e “trem + metrô”;
  • Motocicleta;
  • Automóvel;
  • Ônibus;
  • Meios alternativos: skate, patins e patinete;
  • Cadeirante utilizando transporte coletivo;
  • Helicóptero (em algumas cidades);

Como saber se sua cidade participa do desafio intermodal

O desafio intermodal não é organizado nacionalmente por uma única instituição. Mesmo assim, ele já ocorre em várias cidades. O problema é que a falta de centralização pode não tornar muito fácil descobrir se há o evento em sua cidade ou não.

Para isso, recomenda-se procurar em redes sociais e meios especializados em transporte urbano. Se sua cidade não possuir o desafio, nada impede que você converse com organizadores de outras cidades e comece a iniciativa no local onde mora.

O desafio intermodal é, além de divertido, uma forma muito rica de desenvolver consciência a respeito das utilidades e limitações do transporte urbano. É uma forma interessante de chamar atenção para melhores maneiras de pensar a mobilidade.

Carros 2018: Confira os principais lançamentos

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas