Início » Dicas » Central multimídia: Componentes e como funciona

Central multimídia: Componentes e como funciona

Durante muito tempo, a ideia de uma central multimídia resumia-se a um sistema de som melhor elaborado. Em geral, eram sistemas disponíveis apenas em carros de luxo ou veículos premium. Isso era ainda mais verdade no caso de sistema completos, que incluíam telas ou jogos.

Atualmente, no entanto, uma central multimídia pode ser encontrada em versões da grande maioria dos modelos do mercado. Sistemas integrados de som, vídeo, jogos, aplicativos e navegação são cada vez mais comuns. Praticamente não há limites de disponibilidade tecnológica para a instalação de uma central multimídia.

Tecnicamente, o que define um central multimídia, independentemente do seu nível tecnológico, são três elementos: equipamento para áudio, um display interativo e possibilidade de utilização de diferentes mídias.

Central multimídia
Central multimídia

A integração destes elementos é o que forma uma central multimídia. Por isso, entender o funcionamento de cada um deles é a essência da compreensão correta da central.

Os componentes de áudio da central multimídia

A parte relacionada com o áudio, em uma central multimídia, costuma ser a mais tradicional e conhecida. Isso ocorre porque a presença de sons automotivos é bastante anterior à utilização de outros meios tecnológicos em veículos.

Por isso, a maior parte dos componentes destes sistemas estão relacionados ao áudio. É o caso dos alto-falantes, amplificadores, processadores de som e diversas entradas para estes arquivos de som.

Em geral, os componentes do áudio de uma central são os mesmo encontrados em um sistema de som simples. Sua grande diferença está na capacidade de integração com outras mídias e tecnologias.

Componentes visuais da central multimídia

Toda central deste tipo precisa de, no mínimo, um componente de demonstração de vídeo. É o chamado display – atualmente, a maioria deles são apresentados no formato de tela sensível ao toque.

Para configurar o vídeo como uma mídia, é necessário que este display demonstre algum tipo de interação e capacidade de reprodução de arquivos em vídeo. Atualmente, é comum encontrar telas de alta definição em tecnologias avançadas. Muitas delas, ainda, já possuem capacidade de espelhamento de outros sistemas avançados.

É o caso de plataformas como o Apple CarPlay e o Android Auto, por exemplo, que integram e espelham a tela de smartphones, especificamente para o uso em carros.

Fontes multimídia

O principal diferencial destas centrais é a grande disponibilidade de fontes reproduzíveis. Isso quer dizer que elas são capazes de executar vídeos, áudio e, até mesmo outras mídias. Além disso, elas podem utilizar-se de diversos meios.

CDs, Pendrives, conexões sem fio, receptores de rádio e televisão, por exemplo, são exemplos de fontes variadas. Casos de integração com smartphones ou outros dispositivos também são fontes multimídia importantes dos sistemas de reprodução atuais.

Centrais multimídia que não possuam uma boa variedade de fontes, geralmente não representam um grande nível de utilidade para os usuários. Na realidade, é a disponibilidade de fontes que garante a praticidade do uso.

União dos componentes

Em uma definição técnica, o que classifica uma central multimídia é a união entre estes três tipos de componentes. É isso que torna estes sistemas tão complexos: integrar diversos aspectos. Mais do que integrar, é necessário que a adição destes fatores tornem seu uso ainda mais fácil e prático.

Isso quer dizer que não basta procurar por “mais e melhor”. Se você está querendo montar sua própria central, por exemplo, pode comprar componentes de áudio de extrema qualidade e todos os tipos de fonte disponíveis no mercado.

Mas qual seria, por exemplo, a utilidade de um tocador de fita cassete, atualmente? Além da praticidade, é necessário pensar na qualidade da integração. Uma central só é multimídia se as diversas mídias conversarem entre si.

Por isso, o aspecto mais importante do equipamento é a capacidade de funcionar em conjunto. É por esta qualidade que você deve buscar, em seu sistema!

Comentar

Clique aqui e deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Acompanhe nossas atualizações

Recurso de multas

Gostou desse carro? Dê sua nota!

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (No Ratings Yet)
Loading...
teste