Início » Todos os posts » Dicas » Carta de crédito contemplada? Saiba o que fazer

Carta de crédito contemplada? Saiba o que fazer

Uma carta de crédito contemplada é quando alguém consegue ganhar a partir de um sorteio mensal de algum consórcio, sendo para a compra de um imóvel ou de um carro, terreno, serviço. Atualmente, o consórcio é uma boa alternativa para aqueles que gostariam de realizar o sonho de possuir algum tipo de bem.

Todavia, é ao longo de um tempo para se conquistar e ainda existem inúmeras dúvidas, que serão sanadas, pois neste texto irá ser mostrado a grande maioria das dúvidas apresentadas pela população.

Carta-de-crédito-contemplada

O que é uma carta contemplada?

Como o próprio nome sugere, é uma carta de crédito que já foi contemplada, seja por sorteio ou por lance. Com ela, o consorciado tem o direito de receber o valor admitido no início do consórcio em contrato para investir na compra do bem ou na contratação do serviço desejado.

Existem basicamente duas possibilidades de uma carta que está sendo paga ser contemplada: em um sorteio aleatório ou em um lance vencedor. Imagine que a parcela do consórcio é de mil reais e, em determinado mês, foram dados 10 mil. Nesse lance, com a apresentação de um valor maior que o habitual, o participante pode conseguir sua contemplação!

Veja também: Consórcio de veículos: Vale a pena?

Mas e se o consorciado que ganha o direito de usar o crédito desiste de dar andamento ao projeto ou quer ter o dinheiro em mãos rapidamente? Nesses casos, muitos contemplados escolhem vender a carta. Assim, outra pessoa faz o devido ressarcimento e continua pagando as parcelas, mas já podendo comprar o bem desejado ou usufruir do serviço sem precisar esperar a contemplação.

Cuidados que se deve ter na compra de uma carta de crédito contemplada

Alguns itens são de grande importância no momento da compra de uma carta de crédito já contemplada, sendo os principais a confiabilidade quanto à origem do consórcio, a autorização para ela ser comercializada, o valor que consta na carta e no bem e as regras de utilização da carta.

Como funciona um consórcio?

Desde o momento em que se recebe a autorização, pelo Banco Central, a administradora faz a reunião de um grupo de pessoas interessadas em comprar determinados bens como, um carro zero, um carro seminovo, um terreno, um imóvel, uma moto, ou até mesmo um tipo de serviço.

Um ponto importante que deve ser atingido é o número mínimo de consorciados para que o sorteio mensal seja feito. Mensalmente, cada membro do consórcio irá fazer uma contribuição de um determinado valor durante todo o tempo de vigência deste consórcio. Esse valor que resulta de todas as contribuições é denominado de fundo comum, sendo uma reserva que irá auxiliar na compra definitiva.

Como participo?

Para fazer a participação, primeiramente, confiabilidade da administradora, em segundo ponto, ir ao site do Banco Central e pesquisar a lista de empresas que são autorizadas no ramo, para confirmar se a sua é mesmo de confiança. O pagamento é feito mensalmente, a partir do boleto que será enviado para a sua casa, podendo ser feito o pagamento em redes bancárias ou caixas eletrônicos. Grande parcela das administradoras possuem o débito automático, para facilitar a realização do processo e o valor pode, mas não com certeza, sofrer variações de valor, de acordo com o preço do imóvel, carro, terreno ou serviços em questão, essa característica tem como garantia a certeza da compra do bem, no caso o automóvel.

Quando vou ser contemplado?

Como já foi dito, o imóvel ou serviço será adquirido a partir de um sorteio, ou seja, quando seu nome for sorteado, terá em mãos o seu tão sonhado produto, recebendo a carta de crédito na residência, podendo recebê-la em qualquer mês de participação do consórcio.

Carros 2019: Confira os principais lançamentos

Recurso de multas